Cachorro Bagunceiro | Saiba como Educar seu PET!

Cachorro Bagunceiro 2 1 - Cachorro Bagunceiro | Saiba como Educar seu PET!
Cachorro Bagunceiro

Cachorro Bagunceiro | Você possui um cachorro bagunceiro? Se sim, saiba aqui como lidar com seu peludo, entendendo os motivos desses comportamentos.

Quando você chegar em casa ao fim de um dia de trabalho, tudo que seu cão deseja é atenção. E isto é plenamente normal. Porém, quando o assunto é bagunça, nenhum dono quer chegar em casa e ver tudo de pernas para o ar, não é mesmo? Afinal, você quer tempo para curtir seu cãozinho e, claro, descansar.

Mas, e quando a casa fica toda bagunçada, o que você pode fazer? Pois bem, no post de hoje vamos trazer algumas dicas de como educar um cachorro bagunceiro. Vamos lá?

Cachorro bagunceiro – O que fazer para educar o animal?

Cachorro Bagunceiro 3 - Cachorro Bagunceiro | Saiba como Educar seu PET!

Algumas simples atitudes do tutor para educar os cachorros bagunceiros, já podem ajudar a podem resolver o problema. Afinal, os maus comportamentos podem estar associados a diversos fatores – inclusive, muitas vezes aqueles mais impensáveis.

Assim sendo, conheça algumas dicas que podem ajudar no controle do seu amigo de quatro patas, incluindo algumas necessidades que são consideradas normais.

Nunca brigue ou aumente o tom de voz – Isso fará o cão se sentir triste

Cachorro Bagunceiro 8 - Cachorro Bagunceiro | Saiba como Educar seu PET!

Aumentar o tom de voz ou mesmo se exaltar quando algo sai errado, pode ser considerado natural. E quando os cães aprontam, esta sensação também pode surgir. Porém, jamais brigue ou aumente o tom da sua voz quando o cachorro fizer bagunça. Pois dessa forma, você vai deixar ele triste e desanimado. E isto é muito ruim.

Ao invés disso, converse em um tom assertivo e objetivo repetindo a frase “não pode fazer”, até ele aprender que o comportamento é ruim. É preciso ensinar com paciência, pois os doguinhos bagunceiros podem não entender logo de primeira, ainda mais se forem filhotes.

E quando os comportamentos começarem a ter resultados positivos, não esqueça de oferecer uma recompensa, a fim dele entender o que é correto. Entenda mais aqui sobre reforço positivo.

O gasto energético precisa acontecer de forma regular

Cachorro Bagunceiro 5 - Cachorro Bagunceiro | Saiba como Educar seu PET!

É ideal que as energias do seu cão sejam gastas diariamente, pois nenhum animal é hiperativo por natureza. Existem casos que o adestramento profissional é mais indicado. Mas, de modo geral, você mesmo pode fazer a função de brincar, levar para passear e dar uma atenção seletiva ao cachorro.

Sendo assim, manter uma rotina de uma hora de passeio por dia poderá ajudar o seu peludo, e você pode organizar da melhor forma. Uma dica é dividir os passeios em horários. Por exemplo, uns minutos antes de trabalhar, outro no horário do almoço e finalize quando chegar em casa.

O ideal é fazer os passeios com seu cão sempre no mesmo horário, já que eles atendem bem as rotinas, fazendo com que o bagunceiro gaste suas energias de forma regular.

Mantenha um ambiente enriquecido para o cão ter opções de brinquedos

Cachorro Bagunceiro 6 - Cachorro Bagunceiro | Saiba como Educar seu PET!

Os brinquedos são ótimos apetrechos para estimular e entreter os cães, e podem ser usados na educação do animal. Por exemplo, se ele fica em casa sozinho, o tédio pode ser um dos fatores que o levam a fazer bagunça. E ter um brinquedo pode ajudá-lo a se distrair.

Outra ideia é escolher brinquedos similares ao que o cachorro bagunceiro mais gosta, como chinelo, tapetes e demais objetos macios. E o mais importante: Certifique-se de que o brinquedo não possa ser engolido ou quebrado, de modo a prejudicar a saúde do doguinho.

Brinque com seu cão através dos brinquedos. Assim ele entenderá que o seu chinelo, roupa ou demais objetos não possuem essa função. Veja aqui alguns ótimos brinquedos para cachorro.

Cuidado com a síndrome da ansiedade de separação

Cachorro Bagunceiro 7 - Cachorro Bagunceiro | Saiba como Educar seu PET!

A síndrome da ansiedade de separação é cada vez mais comum entre os cães, que levam o animal a níveis altos de estresse e outros fatores comportamentais. Alguns podem apresentar fobias quando percebem que serão deixados sozinhos. Eles podem latir, cavar a porta e chorar sem os seus tutores presentes.

Além disso, em alguns casos eles nem comem sem a chegada do seu dono. E na hora de o tutor sair, o cão o acompanha em todo lugar. Para evitar este tipo de comportamento e sofrimento do seu cão, a punição não é o melhor caminho, pois ele pode reforçar tal comportamento.

Neste sentido, faça o reforço da independência do seu cão, estimulando ele a ficar sozinho gradualmente em pequenos momentos. Faça diariamente até ele aprender. A mesma dica vale se o cão se comportar como resposta positiva ao teste de independência: prefira recompensá-lo com carícias sem exageros.

Nunca abra mão de um adestramento profissional

Cachorro Bagunceiro 4 1 - Cachorro Bagunceiro | Saiba como Educar seu PET!

Para todos os casos aqui mencionados, um adestramento profissional pode ser um bom caminho, caso você não conseguir acabar com o mau comportamento. Escolha um profissional que use técnicas não punitivas, mas sim de reforço positivo, sem termos “dominantes” sobre os animais.

O uso de reforço positivo como petiscos, brincadeiras e carinhos por parte do adestrador de cachorro são os mais indicados, e são aprovados como técnicas modernas de adestramento canino. Isso vai ajudar seu cachorro bagunceiro a ser mais comportado.

Por que meu cão só faz bagunça?

Cachorro Bagunceiro 5 1 - Cachorro Bagunceiro | Saiba como Educar seu PET!

Essa é uma das perguntas que precisam ser respondidas com bastante cautela, pois vários podem ser os motivos para tal comportamento. Um deles é que quando o cachorro é filhote. É natural que ele seja mais bagunceiro, a ponto de destruir móveis e chorar ao ficar sozinho.

Isso acontece porque ele está conhecendo o seu novo lar e o mundo ao seu redor. Logo, ele precisa aprender a se comportar adequadamente. Sendo assim, conforme o cachorro for crescendo, ele vai criando sua própria personalidade, se comportando conforme foi ensinado pelo tutor.

Outros motivos pelos quais seu cão faz bagunça, podem estar relacionados ao tédio, falta de atenção, atividades físicas e até a ansiedade por separação. No entanto, existem casos em que a personalidade da raça ou o temperamento do cão o levam a ser mais bagunceiro. Por isso, vale a pena observar a origem dos comportamentos dos cães.

Conheça as raças de cachorros mais bagunceiros

Cachorro Bagunceiro 1 - Cachorro Bagunceiro | Saiba como Educar seu PET!

Como já mencionamos logo acima, existem raças de cachorros que tendem a ser mais bagunceiras e agitadas. E isso é natural na maioria das vezes. As raças de cães de grande porte costumam estar no topo da lista de cachorros mais agitados, isso ocorre pela porção de energia que precisam gastar.

Por isso, se você deseja um cãozinho mais agitado e que adora brincadeiras, os de raça Bull Terrier, Labrador e Pitbull são ideais. Mas não pense que somente os grandões são considerados cachorros bagunceiros. Alguns pequeninos como o Yorkshire Terrier, Pug e Maltês estão na lista dos que mais aprontam.

Independente da raça do cachorro, a educação canina se dá pelo convívio, que deve ser amoroso e livre de punições. Dessa forma, você proporciona qualidade de vida para o animal, através de uma educação com reforço positivo e regada de recompensas para o cão e seu tutor.

E se você possui um cachorro bagunceiro, teste as dicas que você aprendeu hoje. Sempre com calma, equilíbrio e muita paciência. Afinal, você precisa dar o tempo necessário para que seu cão condicione as situações e, claro, aprenda o que é certo e errado.

Cachorro engasgado. Gostou das Dicas? Se tiver Dúvidas ou quiser saber mais ENTRE EM CONTATO com a Dogues Love!

Siga nosso Instagram: @DoguesLove

Conheça o Canal da Dogues Love no logo youtube 1 - Cachorro Bagunceiro | Saiba como Educar seu PET!

2 Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *